Arquivo | moda RSS feed for this section

Feminices com gostinho de Pistache

27 abr

Que pistache é gostoso eu já sabia. Agora, que também é fofo eu fui descobrir com a Pistache- Invenções de moda, uma marca de Vitória (ES) que comercializa um amontoado de coisas irresistíveis via internet. São acessórios de cabeça, cordões, pulseiras e carteiras cheios de bossa, açúcar e afeto. Mais feminino impossível!

Com novidades sempre fresquinhas e limitadas, a Pistache gosta de exclusividade, originalidade e tem precinhos super amigos. A primeira parte da coleção de inverno acabou de aterrisar no blog e já tem várias peças com cara de hit,  como os arcos de frufrus e de aplicações de flores e renda, além do anel de asas de cupido.

Dupla invenção de moda

Com quase dois meses de existência, a marca é um projeto dos empresários Rafaela Ziviani e Raphael Cuquetto que além de parceiros nos negócios, estão juntos nos assuntos do coração. “Nos interessamos por coisas diferentes e que, de alguma forma, nos divirta. Estamos amando fazer compras, desenhar coisas para mandar produzir, negociar as marcas e fuçar tudo o que tenha alguma relação com esse universo”, contou Rafaela.

E no que depender do casal, a Pistache terá mais novidades. Os planos incluem sapatos, roupas, objetos de decoração e papelaria e mais: produtos para os rapazes, tão carentes de coisas fashionisticamente interessantes. Os namorados, maridos, irmãos e amigos agradecem. 😉

Confira algumas peças da coleção de inverno Pistache:

Outros mimos da marca:


Informe zz!

22 abr


E está chegando por aí a 8a edição do ziguezague_moda_e_arte (09 a 12/06), no Mam, em São Paulo. Eu tô dentro! E você?

Não perde a linha e faz logo esse alinhavo na sua agenda! 😉

Terapia das tesouras: um papo sobre cabelo curto

14 abr

Quando se toma coragem de passar a tesoura com generosidade nos cabelos tudo fica tão melhor… A gente se sente revigorada, com o rosto mais limpo e, acreditem, até mais feminina. Sem contar a praticidade que é cuidar e arrumar cabelos assim! Adotei cabelos curtos aos 15 anos e, desde então, passou a ser um vício, ao mesmo tempo que uma espécie de terapia não ter medo das tesouras.

É uma delícia descobrir as possibilidades de si testando cortes e mais cortes de cabelo, sem medo de ser feliz! O interessante é perceber como a gente vai se abrindo para determinadas roupas e acessórios que não usavamos (ou não tanto) antes, numa espécie de experimentação mesmo. Lembro que num dos cortes mais curtos que fiz, passei a usar brincos grandes e cheios de movimento e mais presilhas e coisinhas de cabelo também. Corte chanel por exemplo, me fez querer mais saias e vestidos. Franja longa lateral me deixou com vontade de usar mais preto/branco/cinza e acessórios mais pesados e por aí vai.

Terapia reversa

Em 2009 eu mudei de cidade e, mais uma vez, de cabelo. Como ainda não tinha muita referência de salão em Belo Horizonte, comecei  a tesourar o próprio picumã. E deu super certo! Tanto que o povo não acreditava que era eu quem cortava. Em dias de tédio corria pro banheiro com uma tesoura e me dava cara nova em instantes. Nem que fosse só um picote na franja, mas fazia toda a diferença e uma sensação boa e até libertária de não depender de cabelereiro (apesar de que os profissionais sempre são os profissionais e ainda fazem a diferença no final).

Como as tesouras têm esse meio terapêutico para mim, na metade do ano passado decidi dar um tempo no “analista das lâminas afiadas”. Depois de quase 10 anos de cabelo curto decidi deixá-lo crescer. Mas essa não é uma empreitada nada fácil para uma short hair addict que quando o cabelo chegava até à altura do pescoço já ficava desesperada. Hoje ele está na altura dos ombros e, apesar de poder fazer vários penteados, não está sendo nada prático conviver. Então, estou seriamente inclinada a fazer as pazes com a tesoura novamente e estou à procura de novas  inspirações capilares.

Unidos do cabelo curto

Para esse novo possível corte, o muso inpiracional é Vidal Sasson, um dos cabeleireiros mais famosos da década de 60 por causa das suas aventuras capilares geométricas. Além de ter criado o penteado dos Beatles, Twiggy e o corte bob à moda inglesa (curto e angular, cortado em um plano horizontal), ele ficou famoso também pelo Five-Point Cut do cabelo da May Quant .

Vidal Sasson e cabelos incríveis

Twiggy

Peggy Moffitt

http://adrianasassoon.files.wordpress.com/2009/08/mary-quant-vidal-sassoon.jpg

Five-Point Cut na Mary Quant

https://i2.wp.com/www.amoeba.com/dynamic-images/blog/Eric_B/nancy-kwan.jpg

Corte bob

Outro corte do tipo “quero já” de Vidal é o que ele criou para a atriz Mia Farrow em  “O Bebê de Rosemary”, uma coisa meio à la Joana D’arc e que foi inspiração direta para várias atrizes ao longo dos anos. Hoje o corte foi atualizado pela atriz Carey Mulligan e, sem dúvida, é o curto do momento.

https://i0.wp.com/www.beautifulhairstyles.com/covers/scans/miafarrowxl.jpg

Mia Farrow

Carey Mulligan

Winona Ryder

Michelle Williams

Kate Moss

Audrey Tautou

Agyness Deyn

Sandy Powell

Outros cortes para inspirar ainda mais o dia e a vontade de aderir às tesouras sem medo:

Shirley & Elijah em “Crianças entediadas no domingo”

14 abr

A marca de óculos californiana Oliver Peoples mostrou que pode ser indie ao quadrado. Em 2009, teve Zooey Deschanel como estrela da coleção (vídeo aqui). Agora, a campanha de óculos de sol e grau tem um vídeo pra lá de indie-fofo com uma duplinha bem conhecida de quem chegou à adolescência até o fim da década de 90: a musa ruiva Shirley Manson e Elijah Wood.

Dirigido pelo badalado fotógrafo Autumm de Wilde, “Crianças entediadas no domingo”  tem como fundo musical ‘Just You and Me’ do Zee Avi, e esse sonzinho gostoso dá ao vídeo ainda mais cara de videoclipe indie.

Queria domingos entediados como esse… com muito champanhe, ruivice e piscina (de roupa e tudo). Drama pouco é bobagem!  😉

Acorrentada

14 abr

Para quem adora uma corrente, mas tá cansada de usar só no pescoço. A Armor Jewelry tem um monte de opções inventivas e que têm tudo para se tornarem objeto de desejo em questão de segundos.

Balmain Homme: Lookbook outono-inverno 2010

9 abr

Para o outono-inverno 2010 a Balmain Homme, by Christophe Decarnin, continua com apostas que têm tudo para  virarem hits fashion masculinos.  Num mix de peças com inspiração militar que versam looks casuais e formais, a coleção tem  um olhar envelhecido, áspero mas que mantém silhuetas clássicas e uma variedade de casacos e malhas.

Nota mental: estou amando esse retorno dos coturnos e a combinação com calças jeans ou de alfaiataria, além  das propostas das novas calças cirolas e casacos aviador. #ficaadica

Confere as fotos do lookbook da marca:

Put a ring on it

9 abr

Ideias espertinhas com anéis:

Ring Machine

Num projeto colaborativo entre a cidade de Amsterdam e o grupo Red Light Design, para tranformar as casas das famosas prostitutas em workshops de jóias, o  Atelier Ted Noten teve a idéia mais fofa de todas: instalar na porta da frente  dos prostíbulos uma máquina de vender anéis vermelhos. Nada mais sugestivo para aproveitar e ser legal com uma garota e comprar um anel (“be nice to a girl, and buy her a ring). A gentileza custa apenas €2.50 e é um bom e barato jeito de fazer uma garota feliz!

Anel-unha

A marca nova-iorquina Bijules lançou a coleção Serpensive, com acessórios em forma de serpente, incluindo os anéis-unha. As peças são uma espécie de unha postiça com uma miniatura de serpente arrematando a base. O nail-ring vem em duas versões: um conjunto para todos os dedos na mão e uma opção para quem quer fazer a vilã e usar só no dedo mindinho. #ficaadica

Aliança geek

Para os geeks que querem selar o amor.