Tag Archives: ziguezague

Informe zz!

22 abr


E está chegando por aí a 8a edição do ziguezague_moda_e_arte (09 a 12/06), no Mam, em São Paulo. Eu tô dentro! E você?

Não perde a linha e faz logo esse alinhavo na sua agenda! 😉

Ziguezague nas entrelinhas da moda e afins

13 jan

Quem mora ou estiver em São Paulo, entre os dias 20 e 23 de janeiro, não pode deixar de conferir a 7ª edição do Ziguezague, que acontece no Museu de Arte Moderna (MAM). O evento ocorre simultaneamente ao São Paulo Fashion Week (SPFW) e  promove  palestras e oficinas que tentam estabelecer novas costuras e alinhavos entre moda e diversos afins como a arte.

Nesta edição o convidado especial é o artista plástico Nelson Leirner, um dos  principais representantes brasileiros do entrecruzamento da arte com os mais diferentes campos de expressão, desenvolvendo trabalhos com alta carga política sem perder a provocação e o bom humor.

Dentre as atividades propostas pelo Ziguezague estão a Mostra Desfiles Incríveis, Oficinas Transitivas e as Conversas Transversais, que contam com a participação de profissionais de diferentes áreas, artistas, curadores, estilistas, entre outros interessados em estimular o diálogo e gerar múltiplas conexões.

Clique no cartaz para ampliar

Para anotar no caderno:

7ª edição do Ziguezague (20 a 23 de janeiro 2010)

Auditório e ateliê do MAM – Museu de Arte Moderna de São Paulo. Parque do Ibirapuera

Inscrições gratuitas para “Desfiles Incríveis” e “Conversas Transversais”.  Taxa de R$ 10 para Oficinas Transitivas (20 a 25 vagas).

Garanta logo sua vaga pelo ziguezague@mam.org.br ou pelo (11) 5085-1313 (com Patricia Naomi).

Confira a programação completa:

20/01 – QUARTA-FEIRA

10h30 – AUDITÓRIO: ABERTURA

11h – AUDITÓRIO: CONVERSAS TRANSVERSAIS – Circunstâncias

O artista Nelson Leirner comenta seu trabalho, sua relação com a moda e o uso desse artifício em seu processo conceitual.
Mediação: Felipe Chaimovich (curador) e Rosane Preciosa (pesquisadora de moda e arte).

14:30h – 17:30h – ATELIÊ: OFICINA TRANSITIVA [Primeira edição da série Campeões de Audiência: o retorno dos oficineiros que renderam grandes listas de espera] – Para comer com os olhos – Mary Arantes Figueiredo + convidados especiais celebram diversas formas de se alimentar, sensibilizando o tato e outros sentidos como “janelas da alma”. Fazer bijoux? Comer beijus? Para além de propor bijuterias comestíveis, a oficina pretende ser uma experiência com os alimentos e com a carga afetiva e sensorial que eles podem conter. [www.marydesign.com.br]

14:30h – AUDITÓRIO: Mais sobre Nelson Leirner:
1. Nelson Leirner (Des)construções (20’) [documentário em média-metragem produzido para a série O mundo da arte, da rede Sesc Senac de Televisão/STV]; 2. N.Leirner 1994+10 (26’) [o curador Agnaldo Farias e Nelson Leirner numa conversa informal sobre a retrospectiva do artista no Instituto Tomie Ohtake]; 3. Curadores – (9‘) Agnado Farias e Tadeu Chiarelli comentam a obra do artista. [Documenta Vídeo Brasil. Direção: Cacá Vicalvi e Sarah Yakhni. DVD, 2004].

21/01 – QUINTA-FEIRA

11H – AUDITÓRIO: DESFILES INCRÍVEIS – Quanto de mais? Quanto de menos? Paradoxos do consumismo contemporâneo. Zapping Verão 2004/2005 + Osklen Inverno 2009.
Comentários: João Anzanello Carrascoza (escritor, redator, professor) e Tatiana Filomensky (psicóloga).
Mediação: Dhora Costa (pesquisadora e consultora de moda).

14:30h – 17:30h – ATELIÊ: OFICINA TRANSITIVA
– Cotidiano refeito
– Nino Cais (artista plástico). Oficina de colagem que exercita processo de recriação de imagens, a partir de apropriação e interferência sobre revistas de moda e decoração e estimula uma ruptura do condicionamento do olhar para imagens do cotidiano. [http://queri.multiply.com]

22/01– SEXTA-FEIRA

11h – AUDITÓRIO: CONVERSAS TRANSVERSAIS – Pesquisas entre arte, moda, criação e consumo.
1. Crème de le crime: as grifes na real e na intenção de uma facção – Tatiana Rovina Castro Pereira (Faculdade Santa Marcelina); 2. NOVO – expressão de moda – projeto independente – Carolina Semiatzh e Teca Pasqua (Senac São Paulo); 3. O vestido da reforma: design e interdisciplinaridade – Regina Barbosa (Universidade Anhembi Morumbi); 4. Vampiros: moda e subjetividade – Luciane Glaeser (Senac São Paulo).
Mediação: Cristiane Mesquita (pesquisadora de moda e arte) e Maria Eduarda Araújo Guimarães (pesquisadora de moda).

14:30h – 17:30h – ATELIÊ: OFICINA TRANSITIVA – Silk e desejo
– Fabio Gurjão (artista plástico). Oficina de estamparia que exercita técnica de silk-screen em camisetas, com referências ao movimento punk. A subversão de logomarcas, a intervenção no design original e a apropriação de linguagens das vanguardas modernas como dadá e surrealismo exploram idéias assim como exclusividade, durabilidade e consumo. [http://fkawallys.blogspot.com]

23/01– SÁBADO

11H – AUDITÓRIO: DESFILES INCRÍVEIS – Marcelo Sommer Verão 2002 + Do Estilista Verão 2009.
Comentários: Marcelo Sommer (estilista).
Mediação: Maria Montero (curadora).

14:30h – 17:30h – ATELIÊ: OFICINA TRANSITIVA – Alicinações no país das maravilhas
– Adriana Peliano (designer e artista plástica). Paradoxos, nonsense, labirinto de sonhos: como num grande jogo, a proposta da oficina de colagem é a recriação dos personagens de Alice no país das maravilhas. Técnicas de colagem vão explorar procedimentos poéticos, a partir de elementos extraídos de desenhos impressos em livros, revistas e jornais, fotografias, imagens de propaganda e retalhos visuais, num exercício de produção de sentidos múltiplos. [http://adrianapeliano.blogspot.com e http://alicenations.blogspot.com]